quarta-feira, 24 de outubro de 2007

O MEDO DE JESUS CRISTO PRETO


Por Walter Passos. Teólogo, Historiador, Pan-africanista, Afrocentrista e Presidente CNNC – Conselho Nacional de Negras e Negros Cristãos.Pseudônimo: Kefing Foluke. E-mail: kefingfoluke@hotmail.com


“Aquele que estava sentado parecia uma pedra de jaspe e cornalina; um arco-íris envolvia o trono com reflexos de esmeralda.” Apocalipse. 4:3





Jaspe


Cornalina

Estas foram sábias palavras do escritor do livro de Revelações sobre Yeshua, e retratam o pensamento teológico-histórico desde o surgimento do CNNC- Conselho Nacional de Negras e Negros Cristãos, especialmente da sua Regional-Bahia na aceitação literal de Jesus Cristo (Yeshua) como um homem preto africano. Há alguns aspectos que devemos compreender do medo da verdadeira essência humana de Yeshua proveniente dos ataques da pseudo-história e negligências das teologias de todas as matizes.


Yeshua: O mais importante homem preto da história mundial

A enciclopédia de Cambridge afirma que Yeshua foi um homem preto da Etiópia. O imperador romano: Justiniano II "O Grande", teve seu rosto esculpido em uma moeda e do outro lado a do Yeshua Preto. A Igreja Católica Romana sabe que Yeshua foi um homem preto e ela mantém documentos escondidos. Além disso, a palavra Cristo vem do indiano Krishna, que significa preto. Existem provas arqueológicas de catacumbas romanas dos primeiros de séculos onde esculpiam Yeshua Preto, havendo provas na icnografia católica dos primeiros séculos e nas catedrais ainda existentes na Europa das madonas pretas.


Jornal britânico voltado ao público afro-descendente publica a lista dos negros mais importantes da história

Jesus Cristo está no topo da lista dos cem maiores negros da história mundial foi o primeiro colocado em uma lista de cem maiores ícones negros da história mundial. A lista foi feita pelo jornal britânico New Nation. Pelé, Nelson Mandela, Martin Luther King e Muhammad Ali são outros nomes publicados no jornal destinado aos negros britânicos. Em relação a polêmicas em relação à cor de Jesus, o editor do jornal é enfático e afirma que “o cristianismo etíope, que precede o europeu, sempre descreve Jesus como sendo um africano". Para ele na própria Bíblia esta a descrição de Jesus como um homem de pele escura.
A lista de ícones negros foi elaborada por um grupo de jornalistas e personalidades da comunidade negra britânica.
A lista de ícones negros:

1. Jesus
2. Martin Luther King

3. Malcolm X

4. Nelson Mandela

5. Muhammad Ali

6. Mary Seacole

7. Oprah Winfrey

8. Bob Marley

9. Marcus Garvey

10. Inventores negros Garret Morgan, George Washington Carver e Elijah McCoy

Yeshua e a Igreja Embranquecida
Os meios de comunicação em massa há vários anos, tem difundido as provas científicas, históricas, bíblicas e arqueológicas que Jesus Cristo foi um homem negro. O cristianismo católico e protestante tem agido como seres mudos, cegos e surdos. Não seria necessário discutirmos esse assunto porque quando estudamos a história dos verdadeiros hebreus, sabemos que foi uma civilização preta, e quando Yeshua nasceu o seu povo preto estava dominado pelos brancos do Império Romano. A história nos relata que essa idéia de brancura na iconografia cristã é muito recente e fo­ram os pintores renascentistas que criaram essa imagem européia. A imagem renascentista de Jesus Cristo ocidental foi financiada com a venda de indulgências pelo papa descendentes dos Médicis o qual, aumentou a corrupção na Igreja Católica Apostólica Romana, resultando na Reforma Protestante do século XVI, liderada por Lutero, Calvino, Wesley e outros reformadores caucasianos, os quais não se importaram com a comunidade preta e suas igrejas participaram ativamente do comércio escravagista.
No catolicismo e no protestantismo foi criada a imagem da vergonha nos di­zeres do Rev. James Cone, no seu livro - "O Deus dos Oprimidos": Representam Cristo em branco e rosa, loiro de olhos azuis e milhões de crianças gravam a i­magem deste falso nazareno em suas memórias. Cristo nos envergonha com a sua pigmentação que obviamente não é nossa. Essa imagem nos condena pela nossa cor negra, pelos nossos narizes chatos, pelo nosso cabelo pixaim, pelo nosso estranho poder e expressar nossas emoções cantando, gritando e dançando. A imagem do Cristo branco é tão calma, tão delicada, tão branca, que milhões de negros tentam ser como ele."
José Carlos Gentili no seu livro: A Igreja e os Escravos escreveu: "O choque de ter que adorar uma realidade negra, após esta sociedade ter massacrado, por séculos, sob o regime da escravidão daqueles africanos , impactaria, negativamente, razão pela qual Jesus Cristo continua sendo apresentado pela industria cinematográfica de Hollywood como um doce anjo branco, de olhos azuis, embora a verdade seja outra."
E continua: O Cristianismo etíope que precede o europeu sempre descreve Jesus como africano e nas igrejas da África, o Senhor é negro - um homem que sofre no continente que sofre.
Teríamos uma linhagem Jesus/Deus de cor negra, sob a criação do Espírito Santo negróide! Certamente, a pomba do Divino não seria branca, como é apresentado, sequer Jesus branco, loiro, olhos azuis, divinal. Em países com forte tendência racial do preconceito racial, como os Estados Unidos e países de influência germânica, a demonstração de que Jesus é negro acarretaria desconfiança na adoração de um DEUS ETÍOPE, um salvador de almas que os brancos teriam de absorver como não sendo uma figura a sua imagem.
O medo das igrejas embranquecidas se dá no tocante ao questionamento que o CNNC faz da opressão do povo preto nas igrejas e na sociedade e das mentiras ensinadas sobre Yeshua..


Yeshua e as Religiões de Matriz Africana
Quando o CNNC afirmou no seu Congresso Nacional em Salvador-Bahia em abril deste ano que o Cristianismo é de matriz africana, algumas vozes de membros do candomblé se levantaram assustados e sem ação. Nós do CNNC provamos que adoramos Yeshua que tem a sua origem na África e é preto. Ninguém pode ousar a afirmar que adoramos divindades criadas pelos europeus, porque não aceitamos imagens brancas de Yeshua e cremos na África reconstruída, no paraíso africano. Infelizmente, as religiões que vieram da África com os nossos ancestrais, ainda levam padres brancos para rezar missas em suas sedes religiosas, e erradamente ainda confirmam os seus iniciantes em igrejas católicas, corroborando o cristianismo europeu o qual o escravizou e usufruiu do maior genocídio da história mundial, e em muitas casas que visitei as principais lideranças são brancas e as imagens das energias da natureza são representadas por homens e mulheres brancas. Há muitos anos atendendo um convite do Olodum participei de uma mesa na Casa de Benin em Salvador-Bahia e fui vaiado quando disse em publico que não aceitava imagens das yabás como mulheres brancas, sereias nórdicas e mediterrâneas. Aquela vaia me deixou muito feliz porque falei uma verdade e representantes brancos do candomblé mostraram o seu poder de persuasão e domínio e membros importantes pretos ficaram calados, não me apoiaram porque eu ali me apresentei como um pastor evangélico. Em apoio aos brancos disseram que eu tinha de bater a cabeça na pedra. Respondi: - Bater a cabeça na pedra e aceitar divindades brancas sem questionar machucaria a minha cabeça.
Atualmente já começou um questionamento sobre essas representações e amigos(as) já me falam que não concordam com essas influências caucasianas e suas imagens deturpadas das divindades africanas.

O CNNC/BA acredita piamente que Deus criou a humanidade preta na África e se manifestou em todas as religiões de Matriz Africana espalhadas pelo planeta com a sua imagem preta. Aceitar de outra maneira é incorrer em erros.

O nosso povo preto tem que dar aleluias e améns de felicidade e júbilo porque o Salvador escolheu se incarnar em um africano descendente da humanidade original: O NOSSO SALVADOR VIVE E É PRETO E AMA TODA A HUMANIDADE. ALELUIA!!!
Texto adaptado do livro: AFROREFLEXÕES, autoria de Walter Passos, a ser lançado em breve.

19 comentários:

Haroldo Pacheco da Silveira Santos. disse...

Fala sério. Isto é ridículo e empobrece o movimento afro. Não bastasse o suposto sudário, a carta de um senador romano da época de Jesus e o fato de que muitos da Antiguidade não teriam porque negar a negritude de Jesus se esta existisse, agora temos que lembrar que a população da Galiléia - região de onde Jesus era procedente - tinha muitas pessoas claras. Pesquisem coisas sérias ou se quiserem digam que Jesus era um dos poucos "brancos" bons da História. - Haroldo Pacheco da Silveira Santos.

José disse...

Deus é branco e Jesus também se ele fosse preto eu não seria católico.

Edmilson disse...

Jesus era preto.
Pode crê.
O pé do mesmo não deixa dúvidas.
E Pedro, Abrão, Alexandre Dumas.
O homem branco é narcisista ele sente a necesidade de esta presente mesmo quando não está.
Um salve.

ass: Edmilson

RPEREIRA disse...

A COR da pele DE JESUS CRISTO SÓ INTERESSA AOS COMPLEXADOS...EH!EH!
Já agora qual acor do João Baptista que o baptizou? e o Rei Herodes? E Nâ Sra?

mais provável era amestiçagem de Jesus... de resto todos os judeus
são mestiços de europeus africanos e asiáticos...


será que tens coragem de publicar isto?

Anônimo disse...

O rei da AssíriaSenacheribe man dou esculpir um portal comemorando a queda de Laquische , cidade situa
da a oeste de Juda.
Neste portal os Hebreus são mos-
trados com tanças enroladas, nari -
ses chatos e demais feições tipica-
mente negróides.
Grande evidência arqueológica da
negritude do povo de Cristo !

Ademário.

nobre nobre leal disse...

-Muito lindo este Blog...Nunca vira o Asssunto sobre a Raça de Jesus,tão abrangente...Creio que Jesus era bastante escuro,pos ser da Palestina...Criado no Egito, Galiléia, Nazaré,e morreu em Jerusalém, Os Profetas, não esperavam tanto!-Discriminado tbm,pela raça.Se fosse este Caucasiano, seria no mínimo diferente dos demais...Poderia
ter obtido um crédito, com Auréola,e tal.-Para mim Jesus Cristo hoje não tem cor, é da cor da humanidade...Não preciso vê-lo para crer-lo, é como Deus,não vemos só sentimos...(é da cor da humanidade sofrida e discriminada!)
Manuel Nobre Leal(nobre nobre leal.
Bhte-MG,5ª F.,l0 jan 2008.

Andre disse...

para jose . sim voçe pode ate não cre que jesus e negro .por que aqule jesus branco opresor em seu nome matol milhares de pessoas ,este realmente e o jesus dos bracos ,rascista eu duvido que la no ceu a lugar pra gente do seu nivel e com certeza com a quantidade de africanos que se coverteram a força o ceu ta cheio deles ,me eslpiquem como erodes não achou jesus no egito se ele fose branquinho tinham achado ele facinho. Ha sim muitos rascistas ainda acham que no Egito era uma civilizaçaõ branca ,ha me popem viva a yeshua

Carlos disse...

Yeshua Ha Mashiach é negro.
Mas a palavra Cristo vem do grego Christós, que significa "Ungido" (em hebraico Mashiach, ou seja, Messias).
Sendo o grego um idioma indo-europeu e o hebraico (idioma original em que foi escrito o Tanakh, Antigo Testamento) um idioma afro-asiático.

Adila disse...

Creio q Jesus sendo negro ou naum, naum interessa.. o importante eh o q ele fez por mim.. issu eh o q me importa... ele pode ser azul, roxo ou amarelo.. issu naum mudará o fato de eu o amar.. pq o q ele fez por mim eh algo incompreensivel.

Radamés Lins disse...

Jesus Cristo certamente não era o "branco de longos cabelos castanhos e olhos azuis".
Pela mediação provavelmente seria um mulato com forte traços negros.
Lamento a ignorância relutante de alguns a negar esse fato.

Bruno disse...

Bom pra começar o filho do Altíssimo que morreu na cruz para nos salvar,não se chama jesus cristo,seria Yeshua Ha Mashiach.
Esse nome jesus foi criado pelos romano que oprimiam os povos que conquistava durante todo o período da historia e por muito tempo matou milhares e milhares de pessoas seja elas negras ou branca,a Igreja católica é o propio Anti Mashiach
que durante todo o tempo de historia vem confundido e manipulando as nações da terra apagando a cultura e tradição de povos. mas como o meu salvador vive e a verdade liberta, tenho a plana convicção que Yeshua Ha Mashiach e a raiz de Davi o leão de juda e meu salvador que não faz a excepcão de pessoas branco negro asiático,e se pra ele não importa a raça ou cor para mim também não,porque ele nos fez irmãos pelo sangue dele derramado na cruz.mas não devemos ser ignorantes,pelo fato historico e étnico Yeshua Ha Mashiach, provavelmente seria negro ou descendente de negros pelo local de nascimento e vida do eterno,mas como ja disse isso e apenas um detalhe.

luz e criatividade disse...

Abraço irmão, tomei a liberdade de dividir este artigo com o meu grupo
boicote.com

jesus cristo disse...

infelizmente vc esta certo sou negro

jesus cristo disse...

obg

Vilmar Junior disse...

Simples assim...Jesus e seus pais foram se esconder no Egito. Qual era a cor dos egípcios para que Cristo e seus pais se misturassem ao povo? Não digo que eram negros mas... passou longe de serem brancos.

Anônimo disse...

No Egipto antigo, o povo era de cor "preta" não preto de cor carvão como os etíopes e os núbios. Eles eram pretos com tom de pele clara como os Cabo-verdianos meio achocolatados.
Esses brancos só manipulam e destroem as culturas alheias alegando que os egiptos e o próprio Jesus Cristo, alias "Messias" era branco de olhos azuis e loiro/ruivo....
BRANCOS BURROS MENTIROSOS!!!!!!

Anônimo disse...

Corrigindo seu comentário, a elite dominadora que se considera dona da verdade.

SOBAMHS JAHBLESS disse...

Vc é desprezível !! se Jesus fosse preto vc não seria católico? sou católico e vc me envergonha!! rato,sujo e fedorento com certeza vc é satanista!!

Eduardo Ananias disse...

O blog é muito bom e acompanho sempre que posso, descordo no referente ao nome do Messias que na verdade é Yahshua (hebraico) e não Yehshua (aramaico), no mais nos afinizamos, as Sagradas Escrituras pós pentateuco sofreram diversas adulterações gregas e romanas mesmo assim em sua essência ela é totalmente africana. Fico feliz em perceber que os negros estão despertando do profundo estado de sonolência espiritual em que se encontravam e saindo em busca do conhecimento, acredito que como vcs cada um de nós temos que fazer nossa parte tendo como meta o despertar dessa nação que tanto já sofreu e ainda sofre .Postei também recentemente no youtube um vídeo que prova incontestavelmente que o Criador, o Messias e os hebreus são negros, gostaria muito que vissem: HEBREUS NEGROS O VERDADEIRO POVO ESCOLHIDO PARTE I

PRETAS POESIAS

PRETAS POESIAS
Poemas de amor ao povo preto: https://www.facebook.com/PretasPoesias