terça-feira, 26 de agosto de 2014

POVO MANGBETU – LIPOMBO


Walter Passos - Historiador
Skype: lindoebano
 Facebook: Walter Passos

Localizado na província Oriental, região nordeste da República Democrática do Congo, a área Mangbetu é uma floresta e savana. A economia é uma junção de agricultura, criação de pequenos animais, caça, pesca e coleta. As culturas de rendimento têm incluído o óleo de palma, café, amendoim, arroz, banana e milho.
O povo mangbetu é conhecido pela peculiaridade do alongamento do crânio, técnica denominada de lipombo.
O limpombo foi uma técnica utilizada nas sociedades Maia e de Kemet (Antigo Egito), inclusive pela Rainha Nefertiti e o Faraó Tutancâmon.
 

As cabeças dos bebês eram envoltas com um pano, a fim de dar-lhes esta aparência aerodinâmica. Com a presença do cristianismo e a ocidentalização essa prática foi fortemente abalada a partir dos anos de 1950.


A diva Nina Simone abalou os padrões eurocêntricos usando o penteado mangbetu:

Os Mangbetu praticavam a escarificação:
Os europeus cristãos para saquear e cometer genocídios contra as populações africanas inventaram mentiras, é uma delas foi que o povo Mangbetu era canibal.

Os Mangbetu são conhecidos por sua arte altamente desenvolvida, sobretudo em Marfim e pela sua rica musicalidade.Uma harpa foi vendida por mais de US$ 100.000. Musicólogos também procuram os Mangbetus para fazer gravações de vídeo e áudios das suas belíssimas músicas.

KUNDI HARP; OLD RECORDING FROM CONGO, AFRIKA (1952)

Medalha da década de 1927, da coleção Dupont de Marcel Rau, representando uma mulher Magbetu.



Continua no próximo artigo.

ACESSE PRETAS POESIAS:
http://www.facebook.com/PretasPoesias

Nenhum comentário:

PRETAS POESIAS

PRETAS POESIAS
Poemas de amor ao povo preto: https://www.facebook.com/PretasPoesias